sábado, 25 de outubro de 2014

Os bebês gêmeos



Uma certa manhã, Dilma, Presidenta do Brasil, ficou surpresa ao ler a seguinte notícia nos jornais:

“Maria Sebastiana, uma jovem mãe brasileira, não assistida por qualquer bolsa do governo, residente em Brasília, registra em um cartório Capital Federal, seus dois filhos gêmeos, recém-nascidos: uma menina e um menino, com os nomes de Dilma e Brasil.”

Honrada pelas circunstancias, Dilma decide visitar a mãe em questão, para mostrar seus agradecimentos pela decisão de dar a seus filhos gêmeos o seu próprio nome e o nome do pais que preside, pelo menos na sua imaginação. Ao chegar na modesta residência da jovem mãe, encontra Maria Sebastiana dando de mamar no peito para a bebê Dilma. A Presidenta reitera seus agradecimentos e pergunta para a mãe dos gêmeos:
- Aonde está Brasil, o irmãozinho dessa querida esfomeada que não para de mamar?

Maria Sebastiana responde que Brasil está dormindo profundamente faz bastante tempo. Estranhando a resposta, a Presidenta tem a ousadia de aconselhar para que a mãe desperte o garoto para que assim a Presidenta possa ter a oportunidade de vê-lo. A resposta de Maria Sebastiana deixa a Presidenta sem fala:

- Senhora Presidenta, acho melhor não acordar o Brasil porque se Brasil desperta Dilma deixa de mamar... 


0 comentários:

Postar um comentário

Followers

Google+ Followers

Leve nosso QR Code

Leve nosso QR Code